O poder mágico da criação Seguir o Blog!
06/01/2010. HELIO RODRIGUES
A arte tem um grande poder, o poder mágico da transformação, por isso, é capaz de tornar desejos, angústias e dúvidas, por exemplo, naquilo que podemos chamar de “coisa artística” e que por se tornar “coisa”, se desloca do interno e impalpável para se tornar palpável, do lado de fora do individuo. Sentimentos, opiniões e angústias, quando são externalizados, de alguma maneira transformam-se em “coisa”, objeto capaz de se deslocar do sujeito com o qual se fundia, para ocupar um lugar dissociado dele. Nesse novo lugar, esse produto lentamente se desapega de sua origem, podendo até ganhar um nome, um título e por fim, viver com independência de seu autor. Escolhi o poema da Viviane Mosé, que transcrevo abaixo, como colaborador do pensar a respeito da arte.
"Não sou eu que fico pendendo no abismo sozinho da noite é o poema e a poesia eu bem que durmo"

Tags: arte-educação




Leia também: Os Auto Exigentes


powered by eLearning fit